Dicas poderosas de como melhorar a sua memória

Já percebeu que algumas pessoas parecem ter a memória melhor que a de um computador? Elas lembram, sem muito esforço, de detalhes insignificantes contados em histórias de mesas de bar há 10 anos; compreendem assuntos novos com facilidade e são capazes de discutir os eventos do mundo com bons argumentos apenas assistindo o noticiário ou lendo alguns textos na internet.

Você já desejou ser uma pessoa assim? Provavelmente todos pensam nisso uma vez ou outra e acabam se convencendo de que ter uma boa memória é privilégio de alguns sortudos. No entanto, qualquer pessoa pode impulsionar o potencial de seu cérebro.

Grande parte do conteúdo criado e compartilhado aqui no blog do Curseduca é dedicado a mostrar como você pode se encarregar da sua própria educação e/ou da sua vida profissional ensinando ou estudando por meio de cursos online. No entanto, estudar por conta própria nem sempre é uma tarefa fácil. E muito disso se deve ao pobre uso que fazemos da nossa memória.

Recentemente, a organização irlandesa de psicólogos corporativos Davitt publicou um infográfico intitulado How To Master Your Memory (ou Como dominar a sua memória, em português), que mostra, entre outras informações, que fatos científicos têm sido descobertos em relação à memória, que truques podemos usar para ‘hackeá-la” e que exercícios podemos fazer para treiná-la.

O que os estudos dizem?

memória

  • A maior parte do processo de consolidação da memória acontece durante o sono e é um dos elementos mais importantes do que é considerado uma boa memória;
  • Segundo uma pesquisa da Universidade da Georgia, exercitar-se por 20 minutos facilita o processamento de informações e as funcionalidades da memória;
  • A meditação tem mostrado impulsionar resultados de testes e habilidades da memória de trabalho depois de apenas duas semanas de prática;
  • Um estudo recente concluiu que tomar uma pílula de cafeína depois de uma sessão de estudo pode melhorar a memória de retenção até 24 horas depois do contato com a informação.

Hacks de memória que você precisa saber

memória

Técnica Palácio da Memória

  • Essa técnica sugere que você faça uma “caminhada mental” por um lugar familiar – por exemplo, a sua vizinhança -, associando cada coisa que você precisa lembrar a objetos que você vê. Não tem problema se você colocar uma impressora na calçada ou um rosto de alguém pra quem você precisa ligar no lugar de uma placa de trânsito;
  • O palácio da memória é uma técnica eficaz para lembrar sequências longas de itens.

Meditação

  • Praticar a meditação ajuda a construir matéria cinzenta mais densa em partes do cérebro que se associam com aprendizado e memória, controle de emoções e compaixão;
  • De acordo com um estudo feito por pesquisadores de Harvard, oito semanas de meditação já são suficientes para produzir mudanças estruturais no cérebro, que podem ser observadas numa ressonância magnética.

O Mapa de Nomes

  • Criar um mapa de nomes ajuda a lembrar nomes e associar rostos de novas pessoas. É uma técnica ideal para reuniões de trabalho ou se você começou num novo trabalho;
  • Desenhe um mapa de acordo com a posição que as pessoas se sentam ao redor da mesa, adicionando características que as identifiquem (barba, óculos, cabelo ruivo etc.).

Ouvir em vez de ler

  • É normal lembrarmos melhor de informações que ouvimos em vez de informações que lemos;
  • Use seu celular para gravar notas de voz e as ouça para ajudar a lembrar informações importantes.

Tire uma soneca

  • Pesquisas mostram que privação de sono pode afetar a nossa habilidade de reter novas informações ou consolidar novas memórias criadas;
  • Uma soneca de 45 minutos a uma hora pode melhorar em até 5 vezes a nossa capacidade de recuperar informações da memória.

*Há algumas semanas, falamos sobre como o sono pode afetar a sua carreira. Confira o artigo clicando aqui.

Exercícios para desenvolver a memória

memória

Crédito: Randy Mora/YCN

  1. Desenhe um mapa “de cabeça”. Após retornar de um lugar novo, tente desenhar um mapa da área;
  2. Desafie seu paladar. Quando estiver comendo, tente identificar ingredientes individuais no seu prato, incluindo ervas e temperos;
  3. Complete um jogo de palavras-cruzadas;
  4. Memorize os números de telefone de 10 amigos próximos ou familiares. Depois, memorize mais dez;
  5. Resolva problemas matemáticos sem a ajuda de papel, lápis, celular ou computador;
  6. Crie “figuras de palavras”. Visualize a soletração de uma palavra na sua cabeça e tente pensar em outras palavras que começam (e terminam) com as mesmas duas letras;
  7. Memorize a sua lista de compras, principalmente se você precisar de 12 itens ou menos;
  8. Quando estiver fazendo compras, mantenha uma conta mental de quanto vai custar o que está no seu carrinho;
  9. Use 10 minutos por dia para memorizar as capitais de países ao redor do mundo;
  10. Memorize as letras de suas músicas preferidas.

Confira o infográfico completo abaixo:

memória

CONCLUSÃO

Boa memória é o resultado da soma de uma rotina saudável e do hábito de exercitar o cérebro ativamente. Ao fazer isso, você vai melhorar a sua memória e aprender muito mais, mesmo estudando por conta própria. Tão importante quanto acompanhar as mudanças conjunturais dos modelos educacionais é garantir que a sua aprendizagem seja sólida e consistente. Para isso, é fundamental aprender a usufruir ao máximo das capacidades do cérebro.

Compartilhe nos comentários os seus exercícios e hábitos preferidos para melhorar a memória!

Conteúdo exclusivo
Cadastre seu email e receba novidades exclusivas do Curseduca!

Sobre o autor