5 dicas essenciais de recrutamento em startups

O principal ingrediente que faz uma startup se manter funcionando e permite que tenha uma chance real de alcançar o sucesso é quem trabalha nela. Diferentemente de uma grande empresa, onde geralmente há dezenas de pessoas capacitadas na fila para substituir um funcionário, uma startup precisa das pessoas certas. Essas pessoas devem ter interesse no que a empresa faz e devem ser capazes de ajudá-la a crescer.

Começar uma empresa é uma aventura incerta e, no início, a possibilidade de sucesso é determinada pelo time que está por trás da execução da ideia. Por isso, ao começar um negócio, uma das partes mais críticas e determinantes é o recrutamento de pessoas que irão trabalhar bem juntas e compartilhar dos mesmos valores defendidos e disseminados pela empresa.

Neste artigo, elencamos alguns pontos que merecem atenção na hora de atrair e identificar as melhores pessoas para para construir o time certo para a sua startup.

1) Tenha certeza de que é hora de contratar

recrutamento em startupsNão se sinta na obrigação de expandir o seu time simplesmente porque é algo que o seu plano de negócios prevê ou porque a maioria das startups contratam pessoas por um motivo ou outro. Saiba identificar o que o seu negócio precisa. Contratar alguém é um grande comprometimento que envolve tanto as questões estratégicas de desenvolvimento do seu negócio como a questão financeira.

Então, certificar-se de que é o momento certo para recrutar alguém é fundamental. Tenha certeza de que  investir em um funcionário é uma decisão financeiramente segura e de que a sua empresa está pronta para crescer. Apressar o processo  de recrutamento pode ser sinônimo de desperdício de recursos, pois inserir uma nova peça antes de o negócio ter força suficiente para suportá-la no jogo pode ser problemático.

2) Saiba exatamente o que você precisa

recrutamento em startupsAntes de começar o processo de recrutamento, tenha uma imagem clara das qualidades e experiência que você quer e precisa em um potencial funcionário. Ter uma lista de “pré-requisitos” é algo que facilita muito na hora de avaliar a possibilidade de um candidato se encaixar na visão que você tem para a sua empresa e evita que você se distraia com outras características. Não saber o que você procura pode fazer com que contrate alguém que tem uma personalidade interessante, mas que não tem as habilidades necessárias para ajudar o seu negócio prosperar.

Outro ponto importante a ser definido antes do recrutamento é a “descrição da vaga”. Você deve saber explicar claramente ao candidato o que espera dele, quais serão suas obrigações ao assumir a posição e como sua função pode mudar ao longo do tempo. O candidato precisa saber exatamente o que está se propondo a fazer. Desta maneira, as chances de identificar uma pessoa genuinamente interessa e preparada para assumir as responsabilidades da vaga são praticamente garantidas.

3) Crie uma boa cultura empresarial

recrutamento em startups

Por estarem em um estágio inicial de posicionamento no mercado e geração de lucro, startups geralmente não oferecem os empregos mais seguros ou cheios de benefícios. Grandes empresas e corporações oferecem benefícios e privilégios que uma startup dificilmente terá condições de oferecer.

Por isso, as startups precisam encontrar outras maneiras para atrair bons funcionários. Uma estratégia promissora é convencer quem está à procura de emprego de que trabalhar na sua empresa é a melhor opção por que  ela oferece uma cultura empresarial diferenciada e interessante. Ao criar uma cultura empresarial revolucionária você mostra às pessoas que elas podem se encaixar no universo da sua empresa e que podem, de fato, gostar de trabalhar para você. A ideia é criar um ambiente de trabalho positivo e agradável.

Os benefícios de trabalhar numa startup geralmente incluem: ter real influência dentro da empresa, sendo parte de um time colaborativo; ter a oportunidade de se desenvolver profissionalmente numa posição de liderança; não estar inserido num ambiente onde o status quo prevalece sempre; poder assumir uma postura mais criativa de trabalho; entre outros. Use esses fatores como “propaganda” para o seu negócio. Ter uma cultura empresarial atrativa não só ajuda a encontrar bons funcionários, mas também ajuda a manter os que você já tem.

Conteúdo exclusivo
Cadastre seu email e receba novidades exclusivas do Curseduca!

4) Considere a questão cultural

recrutamento em startups

Foto: © Boggy, YFS Magazine

Ao tomar uma decisão sobre quem contratar, considere como aquela pessoa irá se encaixar na sua empresa. Habilidades e experiência são fatores importantes, mas a questão cultural não deve passar despercebida. Reflita se a pessoa que quer contratar vai se relacionar bem com os demais funcionários da empresa e se é alguém com quem você poderá construir um bom relacionamento profissional. É algum confiável, com que você pode contar, dedicada ao trabalho?

Se comprometa a fazer as perguntas certas na hora da entrevista. Isso te ajudará a construir uma ideia mais clara do tipo de pessoa que o candidato é. Algumas perguntas importantes nesse sentido são: “Por que você saiu do seu último trabalho?” e “Onde você se vê daqui 10 anos?”. Com essas respostas você poderá entender o que deu errado na última função ocupada pelo candidato e se as aspirações profissionais dele se alinham com a sua visão para a empresa.

5) Procure talento mesmo se estiver contratando

recrutamento em startups

Construir e manter uma rede de profissionais atuantes na sua indústria lhe permite ter em mãos uma série de contatos de pessoas que poderiam ter interesse em assumir uma função na sua empresa quando for a hora de contratar alguém. Mesmo que esses contatos não estejam disponíveis no mercado ou não tenham o perfil ideal para a sua startup, eles podem indicar alguém que seja ideal para o crescimento da sua empresa. Tente expandir sua rede de contatos frequentando eventos da sua indústria, meet ups ou comunidades online.

Compartilhe as suas dicas de recrutamento e experiências com startups nos comentários!

Conteúdo exclusivo
Cadastre seu email e receba novidades exclusivas do Curseduca!

Sobre o autor