Quais as maiores dúvidas de início de carreira?

Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), em 2009 os trabalhadores com curso superior conseguiram auferir salários até 225% mais altos que os que não tinham a formação. Além deste fato, o Censo 2010 indica que os salários de uma pessoa com especialização (pós, mestrado, doutorado) podem variar mais de 100% em média, para ser exato 107% para mestrados e 152% para doutores.

Isso faz com que diversos profissionais pensem em fazer uma pós graduação, um MBA ou outros cursos de extensão cada vez mais cedo. Seja para evoluir na carreira dentro da empresa em que já atua ou até mesmo para facilitar a busca por uma oportunidade em cargos com rendimentos melhores em outras empresas. O que deixa dúvidas é a maturidade profissional.

Lembro que assim que me formei, surgiu aquela grande dúvida: especializações ou mercado de trabalho? Se vou para o mercado de trabalho, quanto tempo preciso para adquirir a experiência necessária? Se vou fazer as especializações, no que me especializar?

Nesta mesma época, lembro que a maioria dos conselhos que recebi e que busquei lendo era o de adquirir experiência. E foi o que de fato fiz, fui para o mercado. Algo que não me arrependo. O raciocínio que segui para tomar esta decisão foi o de que como eu poderia tentar uma função de nível de responsabilidade e conhecimento maior sem nunca ter provado a prática. Acredito que as pessoas que conheço seguiram esta mesma linha de raciocínio.

Porém, as exceções existem. Conheço pessoas que optaram pelo caminho contrário. Eles já terminaram a graduação e iniciaram a pós. Essas pessoas hoje em geral estão colocadas no mercado, e de fato conseguiram já iniciar o trabalho nas áreas que desejavam. Lógico que muito além de um curso, essas conquistas estão relacionadas ao perfil destas pessoas.

A grande reflexão que faço é que não existe um único caminho.

Agora, você estudante de hoje, que enfrenta a mesma situação que enfrentei anos atrás, saiba que tem a opção da escolha. Não tenha medo de usar esta opção.

Então, já tem ideia de qual caminho vai seguir?

Conteúdo exclusivo
Cadastre seu email e receba novidades exclusivas do Curseduca!

Sobre o autor

  • Vanessa Pereira Leite

    A verdade é que muitos saem do Ensino Médio sem saber de fato que carreira seguir, sem ter noção do que fazer, achei interessante este blog porque vai ajudar muitos que estão iniciando suas vidas profissionais agora, parabéns!!!

    • Michael Dalécio

      Obrigado, também acho que existe uma grande quantidade de pessoas que terminam uma fase de estudos e não sabem o que fazer depois.

  • Caio Cezar Rodrigues

    Muito bom texto por se tratar de uma dúvida real que se tem quando se sai do Ensino Médio ou de uma Graduação, dúvida essa que também tive.Parabéns pelo Blog..Sucesso!

    • João Luís Barros Carrilho

      Isso mesmo Caio, também tive essa dúvida, ou melhor, eu tenho essa dúvida até agora kkkkk. Obrigado man

    • Michael Dalécio

      Obrigado pelo apoio, espero que esteja gostando do blog. Abraço.

  • Diego A. Santos

    Michael, excelente texto.

  • Ricardo Pereira Ramalho

    Excelente texto! Realmente é uma das dúvidas que permeiam a cabeça das pessoas que estão entrando no mercado de trabalho.
    Pessoalmente, considero que ser autodidata, tentar pavimentar o seu próprio conhecimento com base na experiência e vivência do mercado é a melhor opção, pois além de tudo, irá facilitar na hora que resolver buscar a especialização e ter plena certeza do que realmente quer. O que se observa muito também são pessoas em uma pós-graduação, ou graduação mesmo, que não fazem a mínima ideia do que estão fazendo, ou se realmente tem a vontade de crescer dentro do perfil profissional.
    Por fim, embora “entrar de cabeça” em qualquer especialização possa render bons frutos, estar no mercado é uma opção muito mais segura, que vai render experiência e maturidade na hora de se especializar e tentar alçar voos mais altos.

  • Pingback: CEO, CFO, CIO: Entenda termos utilizados no mercado de trabalho - Curseduca()