Como investir em sua carreira com cursos a distância

Desde que o Ministério da Educação (MEC) liberou as universidades brasileiras a oferecerem cursos a distância (EaD) para potencialização de carreira, centenas de programas EaD tiveram bastante sucesso em todo país. As possibilidades vão de graduação em Pedagogia a MBA em Logística, passando por cursos livres de todo o tipo.Mas será que vale a pena investir em um curso a distância? Quais cuidados devemos tomar ao escolher um desses cursos?

Tempo tornou-se um dos nossos recursos mais escassos. Muitas pessoas que gostariam de continuar estudando muitas vezes esbarram na falta de tempo para realizar um novo curso. Pode ser porque trabalham o dia inteiro e não podem estar ausentes de casa na parte da noite, por conta da família, ou porque o trajeto casa-trabalho-universidade tomaria tempo demais e inviabiliza o sonho… para essas pessoas, um curso a distância pode ser a saída para continuar se capacitando e, assim, brigar por melhores postos de trabalho.

Organização e dedicação

Vou contar a vocês um pouco da minha própria experiência. Em 2010, grávida da minha primeira filha, optei por fazer um curso de pós-graduação EaD, pois de outra forma não conseguiria me especializar (minha filha nasceu quando eu estava cumprindo o primeiro módulo, e não teria como frequentar aulas presenciais com um bebê pequeno). Não foi fácil, mas consegui concluir o curso, e hoje sou especialista em Marketing e Comunicação Empresarial, certificação que me conferiu um acréscimo no salário e competência para implantar e gerir as redes sociais institucionais na universidade onde trabalhei até o começo deste ano.

Engana-se quem acredita que um curso a distância é menos “puxado” que um curso presencial. Tenho duas graduações (presenciais, uma em Rádio e TV e outra em Jornalismo) e garanto: a pós-graduação à distância não foi mais fácil! É preciso dedicação e organização para cumprir prazos e entregar as tarefas sem um professor cobrando durante as aulas. O fato de você fazer o seu horário é, ao mesmo tempo, uma vantagem e uma desvantagem: se, por um lado, você tem flexibilidade para decidir quando estudar, por outro você tem aprender a priorizar e definir por sua conta esse tempo de estudo, sob pena de não conseguir entregar os trabalhos.

Cuidados ao escolher os cursos EaD

cursos

Justamente por conta do número potencial de pessoas que gostariam de fazer um curso EaD, tem muita instituição por aí que vende cursos que prometem mas não cumprem o que prometeram: certificados que não chegam ou não valem nada, cursos que não tem conteúdo, faculdades que não poderiam estar oferecendo EaD… É preciso tomar alguns cuidados. Preste atenção nessas dicas:

  • Procure saber se a instituição é credenciada pelo MEC e pode oferecer um curso à distância. Para isso, consulte a página do próprio MEC, clicando aqui. A consulta informa inclusive se o certificado é definitivo ou temporário, e por quanto tempo é válido. Nunca contrate um curso sem checar essa informação, sob pena de ter um certificado que não vale nada nas mãos.
  • Consulte fóruns e sites que recebem reclamações de consumidores na internet (como o Reclame Aqui) para saber se a instituição costuma cumprir com os prometidos. Muitas demoram anos para entregar um certificado, e se você pretende utilizá-lo para ter acréscimo salarial, por exemplo, não vai gostar dessa demora.
  • Tire todas as suas dúvidas antes de fechar o contrato: como funciona o ambiente virtual? Quais encontros presenciais obrigatórios você terá que frequentar? A mensalidade é fixa até o final do curso? Sanadas todas as dúvidas, dê uma boa lida no contrato, para não ter surpresas depois. Exija uma cópia do contrato assinada pela instituição, pois ele é sua garantia.

Tirando o máximo proveito do seu investimento

Já escolheu o seu curso? Investigou a universidade, checou as referências e se decidiu? Parabéns! Fique ligado para aproveitar ao máximo o seu curso à distância:

  • Não deixe que as tarefas se acumulem. Organize um tempo diário para estudo, para conseguir cumprir os prazos dos módulos e não atrasar o seu curso. Anote duas dúvidas para enviá-las ao seu tutor.
  •  Não perca as aulas ao vivo, pois são uma oportunidade para sanar as dúvidas que possam ter surgido. Feche a porta, peça a colaboração da família, você está se qualificando!
  • Troque ideias com os colegas de curso e participe dos trabalhos em grupo. A maioria dos cursos propõe ambientes próprios para isso, mas se o seu não oferecer, proponha a organização um grupo de estudos virtual aos seus colegas.
  • Vá além das apostilas do curso: peça uma bibliografia adicional ao professor, faça buscas na internet, frequente bibliotecas… invista na sua formação!

Esqueça os preconceitos em relação aos cursos à distância: essa é só mais uma plataforma, uma oportunidade de qualificação que veio para ficar. Falta de tempo não é mais desculpa para ficar parado! Boa sorte e bons estudos!

Conteúdo exclusivo
Cadastre seu email e receba novidades exclusivas do Curseduca!

Sobre o autor

  • Vanessa Pereira Leite

    As dicas do blog sempre são muito boas, nunca tive boas experiências com EAD, preciso estar presente, pois parece que consigo assimilar mais o conteúdo das aulas com o auxílio de um professor, porém, nunca descartei a possibilidade de fazer uma Pós em EAD, quem sabe um dia. Mais uma vez parabéns pelo post!

  • Pingback: Fui demitido,o que fazer agora? - Curseduca()