5 técnicas de apresentação poderosas que você deve saber

Em algum momento de nossas vidas empresariais ou acadêmicas, temos que realizar uma apresentação. Com colegas de classe ou pessoas totalmente desconhecidas (como por exemplo, um cliente em potencial para a empresa que você trabalha). Sem a utilização de algumas técnicas, muitas vezes, o resultado pode não sair como você imaginava.

São coisas muito simples, que podem fazer com que os espectadores se interessem, ou até mesmo entendam mais facilmente o que você quer passar para eles. O Curseduca traz hoje, algumas técnicas de apresentação que podem te ajudar nisso:

1. Cuidado com as “muletas”

É muito comum que, com insegurança, você utilize de recursos para sentir-se a vontade durante um discurso. Uma das técnicas de apresentação é livrar-se disso. Segurar uma caneta, colocar as mãos nos bolsos ou cruzar os braços são exemplos de muletas que podem demonstrar que está inseguro. Deixe suas mãos livres. Gesticule se for necessário, mas não deixe que isso chame mais atenção do que a sua oratória. Com isso você passa mais confiabilidade enquanto fala.

2. A linguagem deve ser escolhida com cuidado

Tanto o meio acadêmico quanto o empresarial estão cheios de termos técnicos, e é necessário tomar muito cuidado ao usá-los, dependendo do público que o assiste. Se a sua apresentação é para estudantes, ou colegas de trabalho que conhecem esses termos, não há problema em inseri-los, porém, se você está preparando uma palestra para pessoas leigas no assunto, a segunda das técnicas de apresentação é adaptar essas palavras, utilizar analogias ou explica-las.

Exemplo:

Ao invés de falar “O trabalho será feito pelo CEO da empresa”, explique este jargão, dizendo “O trabalho será feito pelo CEO, que é o responsável pelas decisões executivas da empresa”.

3. Utilize tópicos

Entre as técnicas de apresentação, esta é uma das mais importantes, pois a não-utilização dela pode afetar o seu desempenho na exibição do trabalho. Quando você utiliza textos longos nos slides, os espectadores podem ficar mais interessados em ler o que está escrito do que ouvi-lo. Além disso, pode haver uma limitação por parte do ministrante, quando ele apenas lê o conteúdo da projeção. Isso pode trazer uma sensação de falta de domínio do assunto. O que não é nada bom. A solução é dividir o tema em tópicos, e utilizá-los apenas como auxílio na hora da apresentação.

4. Faça uso de recursos gráficos na medida certa

Ilustrações e gráficos são ótimos recursos, e dão uma dinâmica diferente para o trabalho, porém, a utilização exagerada de grafismo pode ser um erro parecido com o anterior. O excesso de informações que, algumas vezes causa desvio de atenção, principalmente se for um gráfico cheio de legendas. Utilize apenas quando houver muitos números ou dados que são mais facilmente explicados através deste tipo de recurso.

5. Além de técnicas de apresentação, você precisa de uma ferramenta para apresentação

A ferramenta universal para apresentações é o PowerPoint, porém, existem outros app’s que trazem novos recursos. Um deles, que ultimamente vem sendo uma nova alternativa é o Prezi. Nele, você cria sua conta e cria os slides online, e pode baixar o arquivo da apresentação para gravá-lo em seu dispositivo móvel. Com uma conta pública, não há privacidade do seu conteúdo. É possível testar a conta Pro durante um mês, e se quiser continuar utilizando-a, é necessário pagar mensalmente, 13,25 USD.

Conteúdo exclusivo
Cadastre seu email e receba novidades exclusivas do Curseduca!

Sobre o autor